quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Sob a lua

Sob a lua
A prata
E o calor
Que se quer
Em tua Cama...

E na chama
Da noite
Que voa
Me entrego
Á toa...
.
Sou fogo
Sou jogo
De água
Que ferve
Do tempo
Que arde
E se Faz dia...
.
Autor :Senador
Foto:szarareneta.

3 comentários:

Mar Arável disse...

De corpo inteiro

António disse...

Cada um de nós "arde" consoante a intensidade de outro.

Bjs!

Multiolhares disse...

é bom quando o fogo arde e a chama não esmorece
Bj