domingo, 24 de fevereiro de 2013

Posso




Posso dizer que não te amo, que nem sei se te amei algum dia. E sei que minto. Minto-me, mas sei que minto. E eu só minto a mim própria, nunca a outrem. E esta verdade é só a mim que interessa. A mentira também.
Sei que que ainda sinto orgulho em ti e que ainda te sinto meu e que tu fazes ou fizeste parte de mim e dos espaços que ainda abrigo em mim. Não sei se sequer te lembras do que tivemos, se é que tivemos alguma coisa. Acho que ainda temos algo em comum, como os cigarros que fumávamos juntos, a olhar o rio, enquanto a manhã se fazia anunciar.
Não precisas ter medo do que tivemos. Foi um amor tão bonito. Paixão. Loucura. Eu acho que vivia isso tudo, outra e outra vez. Se te perguntarem por mim, podes negar-me podes dizer que não sabes de mim. Podes mentir. Eu sobrevivo! Mas não negues que um dia eu e tu fomos um.
 .
Beatrice Mar 2013-02-24




domingo, 17 de fevereiro de 2013

Amaste-me

778tom photo 2478484778tom.jpg


O silêncio que nos martirizou
a distancia que nos doeu
as circunstâncias estranhas
amargas
insuspeitas
frias
desinteressantes.


Amaste-me
eu sei!

E de nada serviu o meu olhar
envergonhado e faminto
sobre a tua pele
nua
e apetecida.


BeatriceMar

domingo, 10 de fevereiro de 2013

Voo de asa



Quero voar
nas asas do destino 
com o sol em mim 
com as mãos em riste. 

Em golpes de vento 
esventrando horizontes ,

quero viver a vida 


BeatriceMar