domingo, 29 de novembro de 2015

Ainda...

Saúl Landell

Ainda... escrevo palavras que não entendes
nem lês
e ainda as pegadas que deixo na praia
são as tuas e as minhas
mesmo que não estejas comigo
eu sei que ainda dormes na minha saudade.
.
Autor : BeatriceMar

3 comentários:

Majo disse...

~~~
~ Só o tempo ajudará
a arrumar essa saudade no livro das memórias...

~ Poema de grande beleza nostálgica...

~~~~ Beijinho. ~~~~~~~~~~
~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Mar Arável disse...

As areias não mentem

heretico disse...

pegadas indeléveis. na alma...

beijo