segunda-feira, 24 de novembro de 2014

...



...quando te conheci, não sabia, que, um dia ia desejar, nunca te ter conhecido, porque não sei que fazer, aos destroços que deixaste na minha vida...
.
Foto:Komarek66

3 comentários:

Vieira Calado disse...

A vida é assim!...

Saudações poéticas.

Ana Oliveira disse...

...quantos destroços nos assombram os passos e nos remetem a um passado que desejamos não tivesse acontecido...

Foi bonito encontrar assim em palavras um sentimento que não sabia como se dizer.

Um beijo

deep disse...

Por vezes, é preciso, para prosseguir, largar os destroços. :)